Quinta-feira, 5 de Março de 2009

Reprodução

            As dáfnias são organismos que em condições do meio favoráveis e estáveis, colonizam-no num curto espaço de tempo.

No Verão, no seu habitat natural e em condições apropriadas do meio, as Dáfnias reproduzem-se assexuadamente, por partenogénese, sendo a sua população composta maioritariamente por fêmeas.
No final do Verão, com a alteração das condições do meio, como por exemplo, com a diminuição da temperatura, os ovos que se estavam a desenvolver no interior da cavidade incubadora, dão origem a dáfnias machos que possuem uma ou duas gónadas junto do ânus e que se podem transformar num órgão copulatório, ocorrendo a reprodução sexuada.
Assim, as fêmeas fecundadas vão dar agora origem a ovos de Inverno, ovos produzidos quando as condições do meio são desfavoráveis, e que podem resistir às condições mais adversas.
 Assim, se as condições do meio propiciarem a ocorrência da reprodução assexuada, as dáfnias colonizam o meio num curto espaço de tempo, aumentando consideravelmente o tamanho da população. Se as condições do meio forem adversas, terá lugar a reprodução sexuada o que irá permitir para além da perpetuação da espécie uma maior variabilidade genética.
Em laboratório, as condições do meio são controladas, verificando-se por isso a reprodução assexuada.


publicado por aequipadafniense às 15:21
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. Referências bibliográfica...

. E para finalizar ...

. Continuando ...

. Esperem para ver!

. Conclusão

. Resultados

. Protocolo experimental

. Aula laboratorial

. As drogas e os seus efeit...

. Reprodução

.arquivos

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds